Páginas

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Quando (modificado)

            Tantas coisas podem ocorrer em um espaço tão curto de tempo, e ainda assim, achamos que 24 horas não é tempo suficiente para um dia inteiro. Não obstante, não temos a noção do que pode acontecer em apenas um único segundo. No segundo que acabou de passar, a luz já percorreu 300 milhões de metros no vácuo, o sol já transformou cerca de cinco milhões de toneladas de hidrogênio em hélio, muitas pessoas terminaram suas jornadas pela vida e muitas outras acabaram de deixar o oxigênio entrar em seus pulmões, mostrando que a corrida está apenas começando.
            Se tudo isso pode acontecer em apenas um único e mísero segundo, por que 86.400 segundos (um dia) seria pouco tempo?
            E o que é o tempo? De acordo com a Física, tempo é uma noção primitiva, ou seja, é uma noção aceita sem definição, não podemos dominá-lo, fazê-lo ir e voltar para momentos inesquecíveis, tudo o que ele traz é inesperado.
            Fazemos planos, traçamos metas, temos sonhos. Tentamos ajustar a nossa vida baseando-a em nossos desejos, entretanto nem tudo ocorre como planejamos. Certamente os sonhos que temos provocam mudanças no seguimento da vida, já que eles influenciam as escolhas que fazemos, mas há muitas variáveis envolvidas e as frustrações fazem parte. O tempo não para, e por mais que tudo dê errado o mundo não vai parar de girar, geralmente os erros não estão em nossos planos. Reprovar na escola é triste, não passar no vestibular é triste, desilusões amorosas são tristes, perder o emprego é triste e isso acontece com várias pessoas a cada segundo, a diferença está em como cada um lida com situações adversas.
            Erros e frustrações podem não ser bons, porém isso não quer dizer que não tragam benefício algum. Produzem-se pérolas a partir de impurezas, por que não crescer a partir de um erro? “A verdade pode nascer do erro, mas não da confusão”, já dizia Francis Bacon. Erros podem trazer acertos futuros se aprendermos com eles, assim, ganhamos experiência e amadurecemos, crescemos.
            Fato é que estamos terminando uma fase importante, embora não seja o fim. É o começo de algo novo, alguns colegas permanecerão, outros não. Não veremos mais aquelas faces que estávamos tão acostumados a ver todas as manhãs. Alguns terão mudado o corte de cabelo, outros estarão trabalhando, haverá aqueles que terão alcançado os seus objetivos e aqueles que por não terem alcançado optaram por uma mudança de planos. O que há em comum entre todas essas pessoas é que quando se esbarrarem casualmente por aí lembrarão cada momento que passaram juntas, porque o tempo há de passar e as lembranças hão de ficar, pois quando alguém entra em nossa vida deixa marcas.
             Cada ser humano é especial, pois cada um de nós possui ao menos uma característica que faz com que sejamos quem somos, e não é da impressão digital que eu estou falando. São particularidades, peculiaridades que formam personalidades inteiras. Detalhes esses que ficam impressos em cada um de nós.
            É o começo de algo novo e o inesperado é o que esperamos. O que vem pela frente? Isso só o tempo dirá. Como disse Renato Russo em “Metal contra as nuvens”: “E nossa história não estará pelo avesso assim, sem final feliz. Teremos coisas bonitas pra contar, e até lá vamos viver, temos muito ainda por fazer, não olhe pra trás, apenas começamos. O mundo começa agora, apenas começamos”.
            E eu digo que temos muitos segundos pela frente, temos tempo e tudo dará certo. Temos tanto tempo em tão pouco tempo.


P.S.: Mais um texto que estava perdido por aí, lido na festa de formatura do ensino médio. :s

3 comentários:

PaulinhoIron disse...

Achei esse um dos melhores textos que já li, não só aqui no seu blog, mas de todos os blogs que já li e leio.
Caramba, que jeito único, minucioso e espetacular de tratar o tempo! Várias maneiras, várias comparações e exemplos, putz...! Uma leitura que leva à outro nível!
"Produzem-se pérolas a partir de impurezas, por que não crescer a partir de um erro? "
Achei essa parte muito, muito boa!

Beijos Marina!

Observateur... disse...

Como dizia John Nash, um cálculo com muitas variáveis, inspira diversos resultados satisfatórios... rsrs... O Observador enxerga que o tempo é a substância fundamental na construção da felicidade, e como já dizia Einstein em "A evolução da física", certos conceitos físicos podem ser tratados como substâncias para ampliarmos seu sentido de compreensão... kkk

Na verdade todos esses termos complicados nada mais querem dizer que esse tempo é irreversível, é a variável mais importante da função...

Je dois également dire que ma belle est la plus haute importance pour moi ...

Bises...

Rooh. disse...

Maaariina,lindaa!
Seu blog tá um charme com o novo template!=D

Quanto ao texto,mais uma vez,eu refleti muito aqui e em algumas partes lembrei das minhas manhãs do 3° ano no ensino médio,ahh... me deu uma saudade aqui,rs.
Parabéns,minha flor!

;]

Postar um comentário